Para ler – Kafka para Sobrecarregados

Algumas frases do livro:
O mal é aquilo que nos distrai.

Não posso levar o mundo nos ombros se mal suporto o peso do meu casaco de inverno.

Quando acreditamos apaixonadamente em algo que ainda não existe, nós o criamos. O inexistente é o que não desejamos o suficiente.

Ainda que a salvação não chegue, quero ser digno dela a cada momento.

Comece pelo que é correto, não pelo que é aceitável.

Quem procura não acha, mas quem não procura é achado.

A partir de certo ponto não há retorno. Esse é o ponto que é
============================================================

Prólogo

Inspirações para tempos kafkianos

Divulgação

Livro com 99 doses de sabedoria para combater as preocupações
O adjetivo “kafkiano” é usado para descrever uma situação absurda, ridícula ou estranha. Esta palavra deriva do sobrenome do mais importante ícone da literatura de língua alemã do século XX: Franz Kafka.

A obra desse escritor judeu nascido em Praga, cuja maior parte só foi publicada depois de sua morte, tem uma temática obscura e complexa que para muitos é angustiante e difícil de digerir. E é por isso que seu nome costuma estar associado a acontecimentos surreais, grotescos ou incompreensíveis.

O próprio ato de usar esse termo sem que se tenha a menor ideia de quem foi esse genial e controverso escritor tcheco pode ser considerado algo kafkiano. Este livro vai resolver esse problema, já que vai iniciá-lo no pensamento de Franz Kafka não com intenção literária ou social, mas com o objetivo de ajudá-lo a viver melhor.

Seu olhar lúcido sobre os problemas do ser humano nos ajuda a encontrar soluções criativas para as loucuras e as dificuldades do dia a dia.

Cada um dos 99 aforismos vem seguido de uma interpretação psicológica ou prática para que o leitor a aplique em sua vida. Este original e acessível curso de filosofia kafkiana é um manual de instruções para sairmos vitoriosos dos processos e metamorfoses cotidianos sem perdermos o rumo da felicidade.

Allan Percy

Autor: Allan Percy
Editora: Gmt Sextante
Páginas: 112

fonte: Livraria da Folha

================================
Mais leitura interessante

“Nietzsche para Estressados” é um manual inteligente e estimulante que reúne 99 máximas do gênio alemão e sua aplicação a várias situações do dia a dia. A sabedoria de Nietzsche é de grande utilidade na busca de uma solução para uma série de problemas, tanto na vida pessoal quanto na profissional.

Livro criado por Allan Percy para nos auxiliar nos momentos em que precisamos tomar decisões, recuperar o ânimo, encontrar o caminho certo e relativizar a importância dos fatos da vida. É indicado para quem procura inspiração no pensamento filosófico mais influente da era moderna para combater as angústias e os medos dos dias de hoje.

Cada capítulo é iniciado por um aforismo do mestre, seguido de uma interpretação atual. Muitas vezes, sua sabedoria é associada às ideias de outros autores renomados, enriquecendo ainda mais o assunto.

(1844-1900) –filósofo que influenciou intelectuais como Sigmund Freud (1856-1939), Jean-Paul Sartre (1905-1980) e Michel Foucault (1926-1984)– abominava o ascetismo, doutrina que se opõe aos prazeres mundanos.

No livro, Allan Percy usa o pensamento filosófico do alemão para solucionar problemas pessoais e profissionais. Publicado no Brasil pela Gmt Sextante, a obra reúne 99 máximas do notório niilista aplicáveis a várias situações cotidianas. Leia um trecho do exemplar:

O valor que damos ao infortúnio é tão grande que, se dizemos a alguém “Como você é feliz!”, em geral somos contestados

NÃO É LUGAR-COMUM DIZER que os povos aparentemente mais primitivos demonstram ser mais felizes que a sociedade ocidental contemporânea. Muitos se perguntam como pessoas que não têm nada ou quase nada podem ser mais bem-humoradas do que outras que trabalham para acumular todo tipo de bens.

Será que a contestação, como diz Nietzsche, é uma marca de nossa civilização?

Nas conversas típicas do ambiente de trabalho, nos bares e nos restaurantes as queixas são intermináveis: reclamamos das taxas de juros, do custo de vida, do ruído e da poluição que assolam as grandes cidades. Talvez não estejamos fazendo nada para remediar esses fatores, mas gostamos de nos queixar, o que acaba gerando angústia e estresse.

O estresse não nasce das circunstâncias externas, mas da interpretação que fazemos delas. Talvez o segredo da felicidade seja deixar de nos preocuparmos com fatores e estatísticas que não dependem de nós e nos divertirmos mais.

Autor: Allan Percy
Editora: Gmt Sextante
Páginas: 112
====================================

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: